alimentos-anti-inflamatorios-mais-poderosos

Cúrcuma ou Açafrão-da-Terra

As principais propriedades da Cúrcuma são a sua ação anti-inflamatória, antioxidante, antibacteriana e digestiva, como relata um estudo do Departamento de Imunologia do Instituto Oswaldo Cruz.

O principal ingrediente ativo da Cúrcuma a é a curcumina. Ela que está associada com seu potencial anti-inflamatório. A forma mais utilizada da Cúrcuma é o pó de sua raiz, para temperar comidas. As suas folhas também podem ser utilizadas na preparação de alguns chás.

Dica: Utilize no dia-a-dia o pó para temperar os alimentos, adicionar em molhos caseiros ou adicione 1 colher de chá em sucos com coloração alaranjada ou vermelha (devido a pigmentação do pó da Cúrcuma).

 

12 Benefícios do Azeite de Oliva Extra Virgem


A cada dia que passa, mais pessoas ficam conscientes da necessidade de incluir o azeite de oliva na dieta por razões de saúde. O alto nível de antioxidantes, e o fato de ser uma gordura “saudável”, fazem do azeite de oliva extra virgem um alimento completo no quesito prevenção de inúmeros males.

Estudos recentemente publicados revelam que pessoas que vivem em partes do mundo onde o azeite é utilizado regularmente em sua dieta, tendem a ser mais saudáveis em comparação com aqueles que vivem em áreas onde o azeite é usado apenas ocasionalmente. Fonte:
www.sciencedaily.com


Abaixo listamos 12 benefícios do Azeite de Oliva Extra Virgem, justificando por que devemos adota-lo em nossa dieta:

 


1 – Diabetes Tipo 2: O Azeite de Oliva é rico em gorduras monoinsaturadas que ajudam na prevenção da Diabetes Tipo 2.
2 – Obesidade: O Azeite de Oliva pode ajudar no controle do peso, devido ao seu alto índice de nutrientes.
3 – Saúde do Coração: Ajuda no retardo do envelhecimento cardíaco em conjunto com os antioxidantes que oferecem uma proteção contra a deterioração das células vermelhas do sangue.
4 – Pressão Sanguínea: Tomar Azeite de Oliva todos os dias pode reduzir a hipertensão.
5 – Ossos Saudáveis: Ajuda a prevenir a perda de cálcio relacionado com o desenvolvimento da osteoporose durante o envelhecimento.
6 – Ameniza a Dor de Ouvido: O Azeite de Oliva é conhecido por ser um remédio natural para as dores de ouvido, pois ele ajuda a combater o excesso de cera.
7 – Depressão: Pessoas que seguem a Dieta Mediterrânea, que é rica em Azeite de Oliva, possuem menor risco de desenvolverem depressão.
8 – Cabelos Danificados: O Azeite de Oliva pode ser usado como um hidratante natural nos cabelos, evitando pontas duplas e o ressecamento.
9 – Câncer do Cólon: Estudos realizados por cientistas espanhóis mostram que incluir o Azeite de Oliva na dieta ajuda a reduzir os riscos deste câncer.
10 – Saúde da Pele: É usado em produtos para a pele pois é rico em antioxidantes e vitaminas A e E.
11 – Câncer de Pele: O Azeite de Oliva é rico em antioxidantes e pode ajudar a reduzir o risco de melanomas malignos.
12 – Digestão: Ajuda a ter uma sensação de saciedade, e ajuda o estômago a digerir os alimentos mais lentamente.

 

Benefícios do gengibre contra inflamações

 

Como os benefícios do gengibre são muitos, o ideal é consumir uma pequena porção da raiz todos os dias, já que, segundo pesquisas, pode ter efeito anti-inflamatório

Você já conhece os benefícios do gengibre cru ou cozido? Acrescentá-lo às refeições pode ser uma boa opção para afastar as inflamações.

 

Pesquisas recentes sugerem que, além de um sabor especial, um dos principais benefícios do gengibre é seu poder anti-inflamatório. O alimento pode ter resultados tão ou mais eficientes do que os remédios tradicionais. Além disso, o gengibre pode ser uma boa maneira de evitar efeitos colaterais.

Contra inflamações, a planta apresentou o mesmo resultado de medicamentos compostos por betametasona. Ambos reduziram a formação de citoquinas, moléculas produzidas pelo organismo durante a fase de ativação da imunidade que podem gerar processos inflamatórios.

Esta foi a conclusão de um estudo publicado em 2012 na Arthritis, publicação científica norte-americana.

Gengibre: farmácia natural
A pesquisa analisou os benefícios do gengibre em forma de extrato e os comparou com os dos remédios que têm em sua composição ibuprofeno ou betametasona.

Quando os efeitos do gengibre foram comparados com os do ibuprofeno, a substância se mostrou menos eficiente na luta contra as citoquinas.

Enquanto o gengibre diminuiu a produção das moléculas, o ibuprofeno não mostrou nenhuma influência sobre a formação delas.

A atuação e os benefícios do gengibre foram similares a do betametasona, esteroide utilizado pela medicina como anti-inflamatório.

Os pesquisadores alertam, porém, para os efeitos colaterais trazidos pelos esteroides. Entre eles:

problemas de visão,
aumento da pressão sanguínea,
ganho de peso e fortes dores de cabeça.
Por outro lado, os mesmos pesquisadores não registraram nenhum efeito malefício do gengibre obtido pelos pacientes que fizeram tratamento com a raiz.

Benefícios do gengibre: eficiência


Os benefícios do gengibre se mostraram maiores do que os remédios anti-inflamatórios aos pacientes de um estudo realizado pela Universidade de Odense na Dinamarca.

Conforme o que foi divulgado, as pílulas anti-inflamatórias combateram somente a formação de compostos inflamatórios.

Os benefícios do gengibre foram mais longe. Além de combater os mesmos compostos, a pesquisa sugere que ele pode diminuir a acidez dos fluidos presentes no interior das juntas por possuir capacidade antioxidante.

O estudo analisou pacientes com artrite, aos quais foram recomendadas pequenas doses diárias de gengibre por três meses.

Após o tratamento, os participantes relataram benefícios do gengibre satisfatórios como alívio significativo da dor, seguindo os parâmetros estabelecidos pelos pesquisadores.

Benefícios do gengibre cru ou cozido
Normalmente, o gengibre cozido é preferido por não ser tão ardido quanto o cru, mas isso varia conforme o gosto pessoal.

A boa notícia é que você pode comê-lo da forma que mais agradar seu paladar: tanto o gengibre cozido quanto o cru possuem benefícios de potencial anti-inflamatório, revelou uma pesquisa divulgada pelo americano Journal of Pain.

O calor do cozimento não influencia nos benefícios do gengibre trazidos pela raiz contra a dor e a inflamação.

O estudo revela ainda que o gengibre é uma ótima saída para reduzir as dores musculares geradas pelo excesso de exercícios.

 

Reidovudu

 

Atenção: Você precisa efetuar um cadastro ou já ter cadastro no site para prosseguir.

 

E-mail corporativo
Email: [email protected]
www.reidovudu.com.br
www.reidovudu.com
Telefone 0xx(34)99150-2401 CASO DE URGÊNCIA
Telefone Fixo do Templo 0xx(34)3662-3812

 

Login

Senha

 

Voltar